Como Hackear o Facebook de Alguém

Uma coisa que muita gente se pergunta é se é possível hackear o Facebook de outra pessoa. Ao longo deste artigo vamos aprender que, apesar de ser possível raquear o Facebook de alguém, mais de 90% das aplicações que o prometem fazer são falsas.

Então, vamos começar…

É Mesmo Possível Hackear o Facebook de Outra Pessoa em 2019?

Ora bem, como sabemos a cibersegurança é algo que é levado muito a sério. A maior parte das pessoas, temendo que seja possível invadir o seu Facebook, utiliza palavras-chave complexas e compridas.

Para além disso, evitam logar-se (ou deixar o seu perfil logado) em computadores públicos e em redes sem segurança.

Todas estas medidas dificultam bastante a vida dos hackers, o que é bom sinal para o público em geral. No entanto, isto significa que se está à procura de uma maneira fácil e rápida de raquear um Facebook, muito provavelmente não a vai encontrar.

Mas isso não quer dizer que ela não exista.

Aplicativos Falsos

A verdade é que sim, existe maneira de hackear o Facebook de outra pessoa. O problema é que a maior parte dos aplicativos que o prometem fazer são falsos.

Às pessoas que querem espionar seus maridos e esposa entre queridos muitas vezes não pensam duas vezes quando encontram uma aplicação que diz ser capaz de invadir o Facebook de alguém.

O que acaba por acontecer quando instalam essas aplicações é que ficam com vírus nos seus dispositivos. Nos piores casos, os seus dados podem mesmo chegar a ser roubados.

Ao longo deste artigo vamos rever algumas das aplicações mais conhecidas que prometem ser capazes de raquear contas de Facebook. Vamos descobrir que nem todas são capazes de cumprir aquilo que prometem, e que podem danificar o seu celular ou computador.

Porquê Hackear uma Conta de Facebook?

Existem vários motivos para querer hackear uma conta de Facebook. A maior parte das pessoas que pretende invadir uma conta de Facebook tem suspeitas de algo e quer confirmar suas suspeitas. Outras, pretendem apenas garantir que os seus filhos estão em segurança.

Eis alguns dos motivos que podem levar alguém a querer raquear uma conta de Facebook (tome nota que não estamos a dizer que os apoiamos):

  • Suspeita dos amigos — uma pessoa que tenha razões para suspeitar dos seus amigos devido a qualquer coisa pode querer invadir as suas contas de Facebook para confirmar as suas suspeitas.
  • Monitorizar o entrequerido — é possível que uma pessoa tenha dúvidas acerca da fidelidade da sua cara-metade e que queira saber com quem falam e sobre o que falam.
  • Segurança dos filhos — Invadir a conta de Facebook dos seus filhos permite ter a certeza de que não lhe estão a mentir quando dizem não falar com estranhos na internet.

Aplicativos Gratuitos Para Hackear Facebook

Como referimos anteriormente, e como qualquer usuário que tenha pesquisado sobre o tema já deve ter percebido, parecem existir centenas, se não milhares, de aplicativos gratuitos que prometem raquear contas de Facebook.

O grande problema é que grande parte desses aplicativos são falsos e servem apenas para infetar o computador ou o celular do usuário que os descarrega.

Quase todos os serviços gratuitos de hackeamento de Facebook funcionam da mesma forma:

  1. Primeiro pedem o link do perfil que se pretende hackear.
  2. Depois, quando o usuário fornece o link, os aplicativos fingem estar processando o pedido.
  3. Passado algum tempo, apresentam uma mensagem a dizer que o perfil já foi hackeado e que basta apenas descarregar os dados obtidos.
  4. O usuário descarrega os dados e fica com o computador infetado por vírus e outro software malicioso.

Por isso, deve sempre duvidar de aplicativos gratuitos que prometem hackear contas de Facebook.

Aplicativos Gratuitos Mais Conhecidos… Será que são Maliciosos?

Será que os aplicativos gratuitos mais conhecidos que prometem invadir uma conta de Facebook são maliciosos? Vamos examinar alguns deles e tirar as nossas conclusões.

  • Hackear Facebook Xploitz — Esse website promete hackear contas de Facebook apenas através do link. Para além de isso ser impossível, quando experimentámos o serviço para ver se ele era malicioso, ele nem sequer funcionou.

Relatos na internet indicam que, quando xploit funciona, o xploitz oferece um download ao usuário que lhe instala software malicioso no computador. Não utilizem.

  • Hackear Facebook Lyli98 — Este site é outro aplicativo falso. Após inserir o perfil da vítima do raqueamento, o site apresenta uma animação demorada, em que finge que está a hackear a conta de Facebook pretendida.

Depois de esperar que a animação termine, o usuário é levado para o que aparenta ser a página de Facebook da vítima do hack. No entanto, a página está ofuscada e não é possível ver nada. É então pedido ao utilizador que descarregue um “ficheiro de texto”, que não passa de malware. Não utilizem.

  • Hackear Facebook Atrackv8 — Esta página é praticamente idêntica à anterior. Depois de se inserir um perfil de Facebook, é preciso esperar que uma animação demorada de “hackeamento” termine. Depois de a animação estar concluída, é pedido ao usuário que descarregue um ficheiro com os resultados do hack. Este ficheiro é um vírus. Não utilizem.
  • Hackear Facebook Muffintab — Este aplicativo gratuito é tal e qual como os outros. Insere-se um perfil, aparece uma animação como se fosse um episódio de CSI, e é pedido que se descarregue software malicioso. Não utilizem este website, porque tal e qual como os outros ele não funciona.

Como vimos, os primeiros resultados do Google para a pesquisa sobre hackear Facebook são todos aplicativos falsos.

Mas será que isso quer dizer que não é possível raquear um Facebook?

Como Raquear o Facebook de Alguém

Existem formas de entrar na conta de Facebook de outra pessoa. Abaixo vamos descrever algumas dessas formas.

No entanto, é preciso reforçar que os aplicativos que funcionam mesmo para invadir um Facebook não são gratuitos. Os aplicativos gratuitos, como já vimos, não funcionam e são maioritariamente vírus.

Portanto, se quiser mesmo hackear um Facebook, estas são as suas únicas alternativas:

Método # 1 — Hackear uma Conta de Facebook Através de um Keylogger

A forma mais fácil de hackear uma conta de Facebook é através de um Keylogger. Caso tenha acesso ao computador ou ao celular da vítima do hackeamento, então esta vai ser a sua melhor opção.

Os keyloggers registam todas as palavras escritas num determinado computador ou celular, sem que o usuário o saiba. Tudo aquilo que o keylogger regista pode ser acedido posteriormente, e nalguns casos até mesmo à distância.

keylogger

Os aplicativos premium são capazes de se manter escondidos no celular da vítima sem que ela suspeite do que quer que seja.

Muito malware também vem com keyloggers, no entanto existem aplicativos para fins lícitos e que não estão de qualquer modo relacionados com malware.

Nós testámos alguns keyloggers e descobrimos que o melhor keylogger para hackear um Facebook é o da mSpy.

O keylogger da mSpy fica invisível no dispositivo e regista todas as batidas do teclado. Para além disso, permite que se separe os registos de mensagem por aplicação (por exemplo mensagens enviadas no WhatsApp, ou no Facebook).

A aplicação não é gratuita, mas o controlo que permite ao usuário que a instala e as capacidades vale a pena o dinheiro gasto.

A forma mais fácil de hackear um Facebook é através de um keylogger.

Método # 2 — Hackear uma Conta de Facebook Através de Aplicativos de Espionagem

Outra das formas de hackear uma conta de Facebook de alguém é através de aplicativos de espionagem.

Os aplicativos de espionagem permitem que saiba tudo o que está a acontecer no dispositivo onde o aplicativo está instalado ou apenas em algumas aplicações específicas. Existem várias aplicações que são capazes de oferecer este nível de monitorização, mas nenhuma é gratuita.

mspy

As aplicações gratuitas que prometem este tipo de serviços são falsas.

Testámos os 5 melhores aplicativos de espionagem e concluímos qual é que é o melhor para invadir o Facebook de alguém.

O destaque vai mais uma vez para o mSpy. Comparativamente às outras aplicações que testámos, o aplicativo mSpy oferece muitas mais funcionalidades do que toda a competição.

Por isso, caso queira hackear o Facebook de alguém e não queria recorrer a um keylogger, o mSpy é a sua melhor solução. Este aplicativo permite ter acesso a todas as conversas do Facebook, assim como todas as imagens partilhadas e listas de amigos, ao contrário das outras.

Conclusão

Como vimos, caso queira raquear o Facebook de alguém, deve-se afastar dos aplicativos gratuitos.

A maior parte dos aplicativos que promete ser capaz de hackear um Facebook rápido tem apenas como propósito instalar vírus no computador ou no celular dos usuários.

A melhor forma de hackear um Facebook é através de keyloggers ou de aplicativos de espionagem. Todas as outras opções provavelmente irão acabar mal.

Caso tenha alguma dúvida sobre como hackear um Facebook deixe um comentário e tentaremos responder o mais depressa possível.

Como Hackear o Facebook de Alguém
5 (100%) 1 vote

Leave a Reply